Pernambuco lidera crescimento na movimentação de passageiros do país

O Aeroporto Internacional do Recife registrou um aumento de 19,99%, no mês de setembro, em sua movimentação em relação ao observado no mesmo mês em 2016. Estado lidera também no acumulado de janeiro a setembro, com aumento de mais de 550 mil passageiros

Recife, 24 de outubro 2017 - O turismo pernambucano segue crescendo em detrimento ao atribulado cenário econômico em que o país está inserido, se firmando como um case de sucesso no setor. Além dos reflexos observados diariamente em diversos segmentos da economia do Estado, os relatórios da Infraero sobre a movimentação de passageiros nos aeroportos também mostram isso. Em setembro, o Aeroporto Internacional do Recife seguiu puxando a média nacional para cima, apresentando um acréscimo de 19,99% em sua movimentação em relação ao observado no mesmo mês em 2016. No acumulado de janeiro a setembro, o Recife lidera o ranking com crescimento de 10,80%, seguido de Florianópolis (7,34%), Curitiba (5,71%) e Congonhas (5,13%).
Seguindo a política do governo Paulo Câmara de expansão da conectividade de Pernambuco, as companhias têm contribuído com o aumento do número de frequências, destinos e voos no estado. Só em setembro, 649.296 passageiros passaram pelos terminais do aeroporto em 2017, contra 541.139 em 2016. No acumulado de janeiro a setembro, a marca deste ano já supera a do ano passado em mais de 550 mil pessoas. Em 2017, foram 5.660.291 contra 5.108.728 em 2016.

De acordo com o governador Paulo Câmara, as novas conexões aéreas têm impactado diretamente na economia da rede ligada ao turismo no Estado. "Trabalhamos muito para ampliar cada vez mais a nossa conectividade, criando as condições necessárias para a atração de novos voos e a consolidação de toda uma rede ligada ao turismo. Somos um dos principais hubs do País e estamos preparados para seguir avançando em iniciativas que fortalecem a nossa economia, que hoje lidera a geração de emprego no Brasil", comenta Câmara.

Para o secretário de Turismo, Esportes e Lazer de Pernambuco, Felipe Carreras, o fato de o estado liderar o ranking de crescimento da movimentação de passageiros no Brasil é um reflexo direto dos esforços que o governo tem empregado no setor. “Nesse cenário de arrocho econômico, investir no turismo tem se mostrado uma decisão muito acertada. Em Pernambuco temos conseguido driblar a crise com investimentos massivos no turismo, traduzidos na captação de novos voos, investimentos em infraestrutura para os turistas e na consolidação da marca Pernambuco nos mercados emissores. Estamos conseguindo o status de referência em geração de emprego e renda dentro das atividades ligadas ao turismo.”


CONECTIVIDADE AÉREA - O governo de Pernambuco dedica uma atenção especial ao turismo, apostando no rico potencial do Estado frente a outros destinos do país. Nesse cenário, o trabalho tem sido constante para firmar parcerias de sucesso que geram frutos perenes, a exemplo da conectividade aérea. O crescimento na aérea tem rendido ao Estado o status de referência na captação de voos e demanda por novas frequências. Os números de fato impressionam. No mercado internacional, o avanço foi expressivo. Pernambuco saltou de quatro para nove ligações internacionais, entre 2014 e 2017, com a certeza de encerrar o ano de 2017 com mais três ligações e fechar o primeiro semestre de 2018 com outras três, totalizando 15 ligações internacionais. Em termos de ligações domésticas, os números também impressionam. Em 2014, eram 14 ligações internas partindo do Recife. Hoje são 26.

--
SECRETARIA DE TURISMO, ESPORTES E LAZER DE PERNAMBUCO

ASSESSORIA DE IMPRENSA

CELSO ISHIGAMI
Superintendente de Comunicação